Saúde

Nova administração assume Hospital Materno Infantil Santa Catarina

Fotos: Jhulian Pereira | Divulgação/Decom
Fotos: Jhulian Pereira | Divulgação/Decom

A Prefeitura de Criciúma entregou na manhã desta sexta-feira (6), as chaves do Hospital Materno Infantil Santa Catarina (HMISC) ao Instituto Desenvolvimento Ensino e Assistência a Saúde (Ideas). A entidade será responsável por administrar a unidade hospitalar localizada no bairro Operária Nova.

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Francielle Lazzarin Gava, o Governo de Criciúma efetuará o repasse mensal de R$ 800 mil ao Ideas, que substitui o Instituto de Saúde e Educação Vida (Isev). “O valor é compatível com o que o município pode pagar. Fechamos neste valor fixo, além da produção com teto máximo de R$ 253 mil, que é o valor referente aos procedimentos realizados pelo SUS”, explica.

O contrato traz economia para a Administração Municipal e mantém os serviços de internação pediátrica, pronto-socorro e Unidade de Terapia Intensiva (UTI). “Buscamos o melhor contrato. O antigo gestor recebia mais de R$ 1,5 milhão e não cumpria o que a sociedade espera. Vamos economizar quase R$ 600 mil reais com o Ideas. Continuar com o Isev seria inviável”, afirma o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro.

Na terça-feira (3), o Isev foi notificado a deixar o HMISC nesta sexta-feira. A rescisão do contrato foi recomendada pela Comissão de Apuração de Descumprimento Contratual, formada por profissionais da Prefeitura de Criciúma, que solicitou a suspensão temporária para que o Isev não participe de licitações pelo prazo de dois anos.

Ideas

A nova entidade responsável por administrar a unidade hospitalar é focada no desenvolvimento de empresas e órgãos públicos do sistema de saúde. O Ideas será responsável por contratar os profissionais para atender os moradores de Criciúma no HMISC.

“Entramos em contato com entidades de Criciúma para assumir a gestão do Santa Catarina. Não chegamos a um acordo e buscamos o Ideas. Ficamos felizes com o que nos apresentaram, definimos os últimos detalhes do contrato e, agora, não temos dúvidas que será realizado um ótimo trabalho no hospital”, ressalta Clésio Salvaro.

Texto: Jhulian Pereira

navigate_before
navigate_next